Mais Poesia

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Aconchego com Você


É acordar sem pressa
Do meu quarto ouço Beatles tocar
E na sala lendo jornal
Você vai estar

Eu já sei o meu caminho
Vou direto pro seu colo pedir carinho
E não há nenhum outro lugar
Que eu queira ficar

Nesse momento 
Só quero te abraçar
E enquanto tiro meu último cochilo
Uma coçadinha nas costas você vai me dar

Uma saudade imensa bate agora
Daquela fase, da minha aurora
Esse era meu café ao despertar

Dessa parte sempre vou lembrar
Era o meu melhor amanhecer
Até chegar a hora de crescer
Pronto! Agora meu dia pode começar

E poemas melhores tenho pra escrever
Sobre você, muitas histórias pra contar
Pois agora, partes de mim
Recebem os mesmos aconchegos sem fim

Aline Madruga

Um comentário:

Mabel disse...

Lindo poema!!!
Seu pai merece,ele é um pãe.
Fico feliz pelo maridão ,pelo pai e pelo poema escrito pela filha.
Bela homenagem!!!