Mais Poesia

sábado, 2 de janeiro de 2016

Primeiro poema do ano de 2016

Pensamento Quente

Já que eu não posso te ter nesse momento
Eu transo com você por pensamento
E tranço minhas pernas nas suas
Eu estou completamente nua

Enquanto não posso te tocar
Eu toco meu corpo sem parar
E um abraço seu nesse instante
Já faria eu gozar

Nem perto estamos
E eu te gozo por completo
Esse peito com peito
Ah...eu me desconcerto

Meus olhos, nem abro
Meus sentidos estão embaralhados
Quase te senti aqui
Eu abri os olhos e sorri

Aline Madruga